Deic prende mulher condenada por participação na morte de vendedor

Ascom PC/AL

Policiais de Divisão Especial de Investigação e Capturas da Polícia Civil prenderam na manhã desta terça (22) Margarida Lira da Silva, de 44 anos, considerada foragida da Justiça. Margarida e seu companheiro, Claudiomar Francisco da Silva, foram condenados por homicídio qualificado pelo assassinato do vendedor de planos de saúde João Ricardo Albuquerque Queiroz, 49.

O vendedor foi assassinado a tiros de pistola, no dia 9 de fevereiro de 2008, quando saía da casa da namorada, no Povoado Cangandu, zona rural de Arapiraca. Em 2013, Claudionor foi condenado a 12 anos de prisão e Margarida a nove anos. A motivação para o crime seria insatisfação com os valores cobrados por uma urna funerária.

O mandado de prisão foi expedido pela 8ª Vara Criminal de Arapiraca. Para a polícia, margarida deu fuga ao companheiro após ele cometer o crime. Após a prisão, Margarida foi encaminhada à sede da Deic e depois será levada ao sistema prisional.

 

 

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações