Imagens impressionantes mostram transtornos causados pelas chuvas em Alagoas

O volume de chuva que cai no interior de Alagoas, nesta quarta-feira, 18, já causou uma série de transtornos e uma morte, na cidade de Arapiraca. Ruas completamente alagadas, populares ilhados, motociclistas sendo arrastados pela correnteza e muitos veículos parados no meio da rua, sem condições de deslocamento, são algumas das ocorrências registradas em cidades do Agreste, Zona da Mata e Sertão, conforme previu a Sala de Alerta da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh).

Em Arapiraca, em apenas quarenta minutos de temporal, cenas impressionantes de populares tentando escapar da enxurrada foram registradas, além de uma morte. Um motociclista morreu ao cair em um buraco encoberto pela água, no bairro Olho D’água dos Cazuzinhas. 

Protesto
Cortesia

Nesta tarde, manifestantes bloquearam um trecho da rodovia AL-115, próximo ao residencial San Lorenzo. Cerca de 50 pessoas reivindicavam melhorias no residencial, prometidos pela prefeitura de Arapiraca. Os manifestantes informaram que devido ao grande volume de chuvas vários transtornos foram registrados e bloquearam a rodovia para chamar a atenção das autoridades. Equipes da Força da Polícia Militar foram acionadas e negociaram a liberação do trecho com a liderança do protesto. 

Ações da Defesa Civil

Em contato com o Alagoas 24 Horas a assessoria de comunicação de Arapiraca informou que as equipes da Defesa Civil estão percorrendo os pontos onde foram registrados alagamentos na cidade para avaliar os estragos. Como o município não possui encostas, não ha registros de desabamento ou deslizamentos de barreiras. No entanto, um local que preocupa é justamente a cratera que se abriu em uma das ruas do bairro Olho D’água das Cazuzinhas e um residencial entregue pelo programa Minha Casa, Minha Vida, no Vale da Perucaba. A prefeitura explica que o residencial já foi entregue com problemas estruturais e quando chove a situação piora. No entanto, a responsabilidade ainda é da construtora e do Banco do Brasil, que continuam gerindo a obra.

Sertão

No sertão alagoano, populares registraram um grande volume de água, a exemplo da cidade de Mata Grande. Imagens feitas por moradores mostram o avanço da água nas ruas. Em alguns bairros moradores informaram que a água invadiu as casas. Nas imagens abaixo é possível ver a dificuldade de motoristas de transportes complementares em trafegar pelas ruas da cidade.

A prefeitura de Mata Grande não informou se houve registro de famílias desalojadas.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *