Enem 2021: solicitação para reaplicação do exame deve ser feita até hoje (3)

Ausentes por doenças infectocontagiosas ou problemas logísticos podem pedir

Termina no final desta sexta-feira – às 23h59 no horário de Brasília – o prazo para solicitar reaplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Faltosos por motivos de doença infectocontagiosa ou por problema de logística ou de infraestrutura podem fazer a solicitação. O pedido deve ser feito na Página do Participante, tanto para aqueles que se inscreveram na versão impressa da prova quanto para a digital.

Os editais do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) explicam que têm direito a solicitar reaplicação do Enem aqueles participantes que apresentaram alguns dos sintomas de doenças infectocontagiosas como coqueluche, poliomielite por poliovírus selvagem, sarampo, rubéola, incluindo suspeitas de Covid-19.

Para conseguir o benefício, os inscritos devem apresentar, em caso de doença, documentos legíveis que comprovem a condição de saúde. O documento deve ser anexado em formato PDF, PNG ou JPG, no tamanho máximo de 2 MB. Na documentação, deve constar o nome completo do participante, o diagnóstico com a descrição da condição de saúde, o código correspondente à Classificação Internacional de Doença (CID 10), além da assinatura e da identificação do profissional competente, com o respectivo registro do Conselho Regional de Medicina (CRM), do Ministério da Saúde (RMS) ou de órgão competente, assim como a data do atendimento. Posteriormente é preciso verificar, na Página do Participante, se o pedido foi aprovado.

Também podem solicitar a reaplicação os participantes que não conseguiram fazer o exame por problemas logísticos, de infraestrutura ou outras ocorrências específicas, como desastres naturais que prejudicaram a aplicação do exame, devido ao comprometimento da infraestrutura do local; falta de energia elétrica que tenha comprometido a visibilidade da prova pela ausência de luz natural; falha no dispositivo eletrônico fornecido ao participante ou erro de execução de procedimento de aplicação, que incorra em comprovado prejuízo ao inscrito.

Reaplicação

As provas do Enem para os inscritos ausentes, com pedido autorizado pelo Inep, serão aplicadas em 9 e 16 de janeiro de 2022, mesmas datas do exame para Pessoas Privadas de Liberdade ou sob medida socioeducativa que inclua privação de liberdade (Enem PPL) 2021. Também nessas datas o exame será aplicado para aqueles que se inscreveram entre 14 e 26 de setembro, após nova oportunidade destinada às pessoas isentas da taxa de inscrição que faltaram ao Enem 2020.

Balanço Enem

O exame, que teve cerca de 3,1 milhões de inscritos na edição deste ano, foi aplicado nos últimos dois finais de semana. O percentual de abstenções foi de 26% no primeiro dia e 29,9% no segundo dia de prova. Ainda de acordo com o Inep, o resultado das provas será divulgado no dia 11 de fevereiro de 2022. A partir dele, os candidatos poderão tentar uma vaga no ensino superior de todo o país.

Fonte: Ascom Educa Mais

Veja Mais

Deixe um comentário