Praias: Prefeitura lança plataforma de monitoramento de manchas de óleo

A Prefeitura de Maceió, por meio da Secretaria Municipal de Turismo, Esporte e Lazer (Semtel), lançou, na manhã desta terça-feira (29), uma plataforma digital de monitoramento diário das principais praias turísticas da capital alagoana.

O projeto, que pode ser acessado pelo link https://observatorioturismo.maceio.al.gov.br/monitoramento-praias-maceio/, conta com apoio do trade turístico e reúne informações oficiais, em um canal de comunicação direto com turistas e maceioenses, sobre as manchas de óleo que atingem o litoral nordestino. Até o momento, no entanto, não houve registros significativos do problema em Maceió.

Praias de Maceió não tiveram registros significativos do óleo (Foto: Ascom Semtel)

A plataforma, que integra o Observatório de Turismo de Maceió, setor da Semtel responsável por reunir dados e informações sobre o segmento turístico, conta com atualização de relatórios de balneabilidade semanais, vídeos, imagens diárias e outros conteúdos que divulgam a situação das praias da cidade e o trabalho de monitoramento realizado pelos órgãos públicos locais.

O projeto, de acordo com o secretário de Turismo, Esporte e Lazer, Jair Galvão, é resultado de uma força-tarefa dos órgãos públicos municipais, que foi intensificada junto às esferas estadual e federal, para que a limpeza e outras medidas necessárias sejam tomadas de forma imediata caso o problema chegue até a capital alagoana.

“A Semtel realiza um trabalho permanente de monitoramento das praias de Maceió junto aos órgãos municipais ambientais e de fiscalização. O projeto que lançamos hoje, com o apoio do trade turístico, é um canal direto e oficial de comunicação da Prefeitura com a população e os turistas, que podem acompanhar diariamente esse trabalho e a situação das nossas praias. Felizmente, as praias de Maceió não foram atingidas significativamente pelo óleo e estão próprias para banho e isso precisa ser divulgado oficialmente para dar mais segurança e confiança aos maceioenses e aos turistas que escolhem viajar para o destino”, destacou.

Plataforma digital reúne informações sobre monitoramento diário das praias de Maceió (Foto: divulgação)

O portal, segundo a titular da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente (Sedet), Rosa Tenório, chega na hora certa para divulgar o trabalho integrado dos órgãos municipais. “A nova ferramenta de monitoramento oficial de nossas praias é fundamental para que a população conheça o trabalho de fiscalização ambiental realizado diariamente pela equipe, que percorre a pé toda a faixa de areia do litoral maceioense. Tudo para dar segurança e confiança de que nosso litoral continua apto e à disposição de turistas e alagoanos”, avaliou a secretária.

Para o superintendente Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes), Gustavo Acioli, a nova plataforma disponibilizada pela Semtel é uma importante ferramenta para orientar os banhistas e fortalecer o trabalho da Prefeitura. “Apesar de o registro do problema ter sido inexpressivo em Maceió, o monitoramento dos órgãos municipais é constante. O observatório de monitoramento das praias é, sobretudo, um importante meio para manter a população informada e orientar os banhistas sobre os pontos que devem ou não ser evitados caso as manchas cheguem à capital alagoana”, disse.

Força-tarefa

Segundo o último relatório de balneabilidade do Instituto do Meio Ambiente (IMA), divulgado na sexta-feira (25), todas as praias de Maceió estão próprias para banho. Desde que as manchas de óleo surgiram no litoral nordestino, a capital alagoana registrou poucos fragmentos do óleo em Ipioca e no Pontal da Barra, que foram coletados imediatamente pela Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes) e tiveram destinação adequada, conforme alinhamento com os órgãos ambientais estaduais e federais que compõem o Grupo Técnico de Acompanhamento (GTA), atuante em todos os municípios alagoanos que tiveram o registro de manchas. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente (Sedet) realiza, junto com a Sudes, o monitoramento diário na faixa de areia das praias de Maceió, do Pontal da Barra até Sauaçuhy.

Paralelamente ao acompanhamento do trabalho realizado pelos órgãos ambientais e de fiscalização, a Semtel, em parceria com o trade turístico e parceiros comerciais, investe no relacionamento com os agentes de viagens em diversas cidades brasileiras, principalmente as que têm voo direto para a capital alagoana, com capacitações e treinamentos em mercados importantes.

Fonte: Ascom Semtel

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações