Professores se mobilizam contra liberdade de Aldaberon

O Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Alagoas (Sinteal) está – neste momento – se preparando para protestar contra o habeas corpus da Justiça de Alagoas, que determinou a soltura do ex-prefeito de Satuba, Adalberon de Moraes.

De acordo com a direção do sindicato, o protesto é uma caminhada contra a violência e mobiliza todos os movimentos sindicais do Estado, inclusive representantes de movimentos sem terra, que protestam pela morte de um integrante do movimento, em Atalaia.

A concentração é na frente do Tribunal de Justiça de Alagoas e a passeata passará também pela Ordem dos Advogados do Brasil, Assembléia Legislativa e terminará na praça dos Martírios, no Centro de Maceió.

A razão do protesto organizado pelo Sinteal é por conta do ex-prefeito Adalberon de Moraes ser o principal suspeito de matar o professor Paulo Bandeira, queimado vivo em seu próprio carro, em junho de 2003.

Leia mais

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *