Totalmente modificado, ASA entra no páreo pelo Bi

Um time “historicamente” de chegada, contra o mais empolgado na primeira fase da Copa Alagoas. Assim será o clássico do interior, hoje, às 17h, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca.

Só para lembrar, dos quatro com chances de chegar a final contra o Coruripe, apenas o Murici ainda não tem o título de campeão. Caso conquista a Copa Alagoas, a decisão do estadual será inédita, entre dois clubes que nunca levantaram o caneco.

Como o CSA já ganhou o direito de disputar a final do quadrangular, um deles precisa superar o adversário em dois jogos e ainda passar pelo vencedor de Corinthians e CSA. Caso o azulão leve a melhor, ASA ou Murici precisam vencer o quadrangular e depois disputar mais dois jogos com o CSA. Ou seja: diferente do CSA, para vencer a segunda fase, ASA e Corinthians precisam, no mínimo, de seis jogos, enquanto o azulão pode precisar apenas de quatro partidas.

Para chegar ao bi-campeonato, o ASA joga motivado pela tradição de ser um time de chegada. Até garantir a classificação para o quadrangular o alvinegro foi um time de altos e baixos. Além de mudar a comissão técnica por quatro vezes, todo o elenco foi renovado até que, no último suspiro, o atual campeão alagoano mostrou que tem bagagem para levantar a taça.

Para o primeiro jogo do quadrangular o técnico Edimilson Santos terá apenas uo desfalque do lateral Celso que, por causa de uma contusão no joelho direito, deve ficar fora do restante do campeonato.

O time

Para iniciar sua trajetória rumo ao bi, o técnico Edmilson Santos vai começar com: Delmir, Adriano, Jeferson, Rodinei e Ítalo; Sérgio Roberto, Marcos Mendes, Laelson e Cleiton; Denilson e Gilson Costa.

Pelo lado do Murici, que surpreendeu na Copa Alagoas e vem embalado, técnico ênio Oliveira tem um time experiente e determinado a quebrar o tabu de nunca ter levantado a taça de campeão.

O polêmico treinador preferiu não adiantar o time que começa, mas abe que ele vai usar o talento e experiência de jogadores como Mimi, Aldo e Williams Bidê. O grande trunfo do treinador é seu próprio filho Eninho, uma das revelações do campeonato que, aliás, deve reforçar o CRB, na Série B, após o término do alagoano.

Ficha técnica

Jogo: ASA x Murici
Início: 17h
Local: Estádio Coaracy da Mata Fonseca – Arapiraca
Árbitro: Jailson Macedo Freitas
Assistentes: Ticiana Falcão e Carlos Jorge Titara
4º árbitro: André Romeiro

Veja Mais

Deixe um comentário