Lei pode naturalizar 1 milhão de estrangeiros na Itália

O governo italiano adotou nesta sexta-feira um projeto de lei que abre caminho para a naturalização rápida de cerca de 1 milhão de pessoas ao reduzir de dez para cinco anos o período de residência necessário para adquirir a nacionalidade italiana.

O projeto de lei prevê igualmente que os filhos de pais estrangeiros instalados regularmente na Itália há cinco anos podem obter automaticamente a cidadania.

A Itália, que enfrenta uma diminuição de sua população com uma taxa de natalidade entre as mais baixas da União Européia, já abriu caminho há duas semanas para regularizar 350 mil trabalhadores estrangeiros.

Segundo a organização católica Caritas, o total de estrangeiros que querem obter a cidadania italiana até 2008 supera o 1,5 milhão de pessoas.

A direita populista da Liga Norte já anunciou sua oposição ao projeto de lei, ao acusar a esquerda de querer "dar um golpe de misericórdia na civilização italiana".

A Itália conta com 60 milhões de habitantes, dos quais três milhões são imigrantes, segundo estimativas oficiais.

Fonte: Folha

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *