Blog

Crônicas e Agudas por Walmar Brêda

Walmar Coelho Breda Junior é formado em odontologia pela Ufal, mas também é um observador atento do cotidiano. Em 2015 lançou o livro "Crônicas e Agudas" onde pôde registrar suas impressões sobre o mundo sob um olhar bem-humorado, sagaz e original. No blog do mesmo nome é possível conferir sua verve de escritor e sua visão interessante sobre o cotidiano.

Todas as postagens são de inteira responsabilidade do blogueiro.

Dia do Dentista

Aproveito o Dia do Dentista para falar de tão nobre profissão e do tanto que ela evoluiu e se transformou do meu tempo de faculdade para cá.

A odontologia cresceu de forma exponencial científica e tecnologicamente  junto com as demais coisas do mundo.  Antes restrita a áreas mais específicas  de atuação e de conhecimento, vimos a odontologia mudar conceitos, propostas e valores até, por fim, ganhar status de uma das profissões mais almejadas pelos jovens de hoje. Sua evolução técnica e científica,  o desenvolvimento de materiais de altíssima qualidade e precisão, a utilização de ferramentas digitais e a exploração exaustiva do marketing das redes sociais, vieram de encontro aos anseios de uma sociedade ávida em consumir seus serviços que embelezam  e rejuvenescem sorrisos, rostos e expressões, elevando autoestimas e transformando vidas – sem exagero algum.

   Lembro-me do início da minha vida profissional quando não havia metade do glamour de hoje – ao menos na aparência – e saía de casa vestido feito picolé de côco, com hoje inacreditáveis sapatos e cinto brancos também. Chegando no consultório, vestia um jaleco chinfrim branco e de mangas curtas – talvez nem usados hoje por açougueiros do mercado da cidade.  O ambiente era bem simples, muitas vezes decorado com móveis de escritório e quadros bisonhos.  Cada um trabalhava enfurnado em suas salas fazendo restaurações em amálgama e outros materiais metálicos – a estética estava convenientemente e estranhamente em segundo plano.  A odontologia evoluiu pressionada pelas mudanças de padrões estéticos da sociedade, que a fizeram encontrar soluções para não só restaurar, mas também melhorar e deixar ainda mais belo o sorriso e a face do paciente.

  Hoje constatamos  que a exposição nas redes sociais do dia a dia do dentista moderno, provoca e desperta uma certa sedução naqueles que estão atentos às opções profissionais na área de saúde. Quem segue alguns “odontoblogueiros” depara-se com profissionais hollywoodianos, com gel ou chapinha no cabelo, sorriso brilhante, sobrancelhas ajustadas milimetricamente e rostos esticados e preenchidos ao infinito. Sua indumentária virou um espetáculo à parte, com jalecos coloridos e feitos sob medida, assim como luvas, lupas, gorros e máscaras – um luxo, diriam alguns; um exagero, diriam outros. Ao fundo, um belíssimo consultório super bem decorado e equipado com aparelhos de última geração. Dentro dele são confeccionados, além de tratamentos odontológicos, fotos e vídeos de dentes branquíssimos, bocas vermelhíssimas e rostos rosadíssimos – tudo bem superlativo mesmo – assim como depoimentos exultantes dos próprios dentistas declarando seu amor à odontologia e aos seus excelentíssimos pacientes.  Fazem também questão de expor suas viagens a lugares maravilhosos, bem como suas idas a festas e restaurantes, compondo a imagem de dentista  bem sucedido – fundamental para um profissional liberal, diriam alguns.

Certamente estamos bem mais qualificados que antes, pois existe uma infinidade de cursos no mercado em todas as áreas, embora eu perceba uma certa pressa dos profissionais para pôr em práticas seus conhecimentos recém adquiridos, para finalmente “fazer e acontecer”.

Pois bem, essa é a realidade da nossa profissão hoje em dia – ao menos na telinha do celular: status, glamour, tecnologia, beleza, bem estar, saúde e paixão pela arte desta bela especialidade da saúde. Porém, sabemos que a realidade é bem diferente, pois as redes sociais na odontologia têm a mesma capacidade e efeito que nas demais coisas do mundo: mostra apenas o que se deseja mostrar -todo mundo é lindo, feliz, saudável e bem sucedido – um verdadeiro santuário digital exibicionista e muitas vezes exagerado, onde a tecnologia juntou-se com o narcisismo e praticamente virou quase tudo de cabeça para baixo, deixando cada  vez mais gente de boca aberta – literalmente.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações