AL terá 1ª fábrica de equipamentos para energia solar do Brasil

Márcio FerreiraMárcio Ferreira

Alagoas contará com a primeira fábrica de equipamentos para energia solar do Brasil. Com previsão de início de operações para o início de 2016, a empresa Pure Energy vai produzir painéis fotovoltaicos, responsáveis pela conversão de energia solar. Executivos da empresa estiveram reunidos, nesta quinta-feira (29), com o governador Renan Filho para apresentar o projeto de instalação do empreendimento.

As obras de construção da fábrica já foram iniciadas em uma área de 80 mil m² no Polo Industrial José Aprígio Vilela, em Marechal Deodoro. A fábrica vai gerar 100 empregos diretos. Após o início da produção e dos processos de instalação dos equipamentos, segundo o executivo da Pure Energy, Gelson Cerutti, a perspectiva é que até cinco mil empregos indiretos sejam gerados.

O governador Renan Filho falou sobre a importância do projeto, que coloca Alagoas no eixo de desenvolvimento no que diz respeito à produção de energias renováveis. “O governo do Estado tem total interesse em apoiar projetos que incentivem a industrialização com tecnologia de ponta, como é o caso da Pure Energy. As discussões sobre energia renováveis do país vêm ganhando cada vez mais força, é necessário que Alagoas possa, diante da sua oferta de recursos naturais, contar com um diferencial neste setor”, destacou.

O empresário Gelson Cerutti apresentou os detalhes do parque industrial da empresa, que além da fábrica contará com plantas fotovoltaicas, de concentração solar, laboratórios e salas de aula, além de uma planta minieólica. De acordo com Cerutti, a empresa ainda trabalha com a perspectiva de projetos para utilização de energia solar no Sertão de Alagoas, como também no financiamento para pequenos e médios consumidores nas atividades de indústria, comércio e serviços.

A secretária de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo Jeanine Pires enfatizou a oportunidade que empreendimentos deste porte geram para Alagoas, possibilitando que o Estado seja um grande polo de tecnologia em energias renováveis com referência nacional.

“Além dos benefícios com a geração de empregos e a diversificação da nossa economia, a chegada da Pure Energy nos permite atrair novos investimentos e a tecnologia de ponta de outras empresas. Queremos criar alternativas para que o setor produtivo de Alagoas, nas mais diversas atividades econômicas, possa avançar nas práticas voltadas para o consumo consciente e utilização energias renováveis”, disse Jeanine Pires.

Recentemente, o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) liberou um financiamento de R$ 26 milhões para a implantação da unidade fabril, dentro da linha de crédito chamada Plano Inova Energia, que visa estimular o setor de energias renováveis no país.

Fonte: Agência Alagoas

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *